Colégio IE/PB é Campeão dos Jogos Escolares da Juventude categoria 12 a 14 anos.

O Domingo Paraibano 14/09, acordou Campeão! O Colégio pessoense IE/PB sagrou-se Campeão Brasileiro dos Jogos Escolares da Juventude com atletas de 12 a 14 anos na Cidade de Londrina/PR em 13/09/2014.

O time comandado pelo Técnico Leucio Laerte garantiu a classificação a final após vencer o Colégio Pitágoras de Minas Gerais por 4 a 3, com gols de David,Vinícius, Mateus e Joaquim. A final foi realizada neste ultimo Sábado 13/09, contra o Colégio Santa Rosa do Pará, que no outro confronto de  semifinal eliminou o Colégio Gênesis, de Roraima.

O Placar Final da Decisão foi, Colégio IE/PB 1 x 0 Colégio Santa Rosa/PA. Com este resultado a Paraíba sagrou-se Campeã Brasileira dos Jogos Escolares da Juventude 2014 Categoria de 12 a 14 anos.

Parabéns a Eduardo Chianca (Diretoria Colégio IE), Leucio Laerte (Técnico), que já consquistou o certame estadual 14 vezes os Jogos Escolares e que agora venceu o Certame Nacional, e a todos os atletas e pais envolvidos nesta nobre conquista para o Futsal Paraibano.

Redação Futsal de Prima

 


Os garotos da Paraíba fizeram bonito nesta sexta-feira (12/09) e conseguiram vaga na final dos Jogos Escolares da Juventude 2014, categoria 12 a 14 anos, que estão sendo realizados na cidade de Londrina-PR.


O representante paraibano no futsal, venceu a equipe do Colégio Pitágoras, de Minas Gerais por 4 a 3. A final ocorre neste sábado (13/09), último dia de competição dos Jogos, e a equipe do Colégio IE jogará diante do Santa Rosa, do Pará.

“Nas individuais conseguimos três medalhas, agora nas coletivas já garantimos mais uma, pois no mínimo a prata está garantida, se bem que o grande objetivo é o ouro”, disse o chefe da delegação paraibana, José Hugo.

Diferente de anos anteriores à coordenação da Taça Paraíba, divulga de forma antecipada as chaves do evento.

Em breve serão divulgados boletins e tabela.
A 9ª edição da Taça Paraíba é realizada pela Liga Borborema de Futsal, conta com o apoio da Federação Paraibana de Futsal e Secretaria de Juventude Esporte e Lazer de Campina Grande, no período de 19 a 21 de Setembro.

Sub 7: A Benfica_Master/PB, ECCB/PB, Sport Recife/PE e Sport_Landirenzo/PE B ADRS/PB, ACF/CG e COPM
Equipes da Chave A enfrentam equipes da Chave B, classificando-se os quatro melhores (1º x 4º – 2º x 3º) com vantagem de empate para 1º e 2º.

Sub 8: A ECCB/PB, Lions/CG, ACF/CG e Sport_Viapol/PE B Benfica_Master/PB, COPM/PB, AAPB/PB e Sport_Vianor/PE
Equipes jogando entre si em suas respectivas chaves, classificando-se os dois primeiros de cada chave para posterior cruzamento olímpico (1ºA x 2ºB – 1ºB x 2ºA), sem vantagem.

Sub 9: A Sport Recife/PE, ADRS/PB, COPM/PB e ACF/CG B AAPB/PB, Benfica_Master/PB, ECCB/PB e Desportivo Maceió/AL
Equipes jogando entre si em suas respectivas chaves, classificando-se os dois primeiros de cada chave para posterior cruzamento olímpico (1ºA x 2ºB – 1ºB x 2ºA), sem vantagem.

Sub 10: A ECCB/PB, Benfica_Master/PB e Guerreiros da Ilha/PE B ACF/CG, Rubro Negro/PE e Náutico_Acta/PE C Bombeiros/CE, COPM/PB, EPCF/PB e Náutico_Portal/PE
Equipes da Chave A enfrentam equipes da Chave B, classificando-se os quatro primeiros. Equipes da Chave C jogam entre si, classificando-se os dois primeiros. 2ªfase 1ºA-B x 4ºA-B; 1ºC x 3ºA-B; 2ºC x 2ºA-B. Não haverá vantagem de empate. Dentre os três vencedores da 2ªfase, quem tiver melhor campanha geral, avançará à final, enquanto os outros dois vencedores disputarão a outra vaga.

Sub 11: A COPM/PB, Lions/CG, AAPB/PB e Sport Recife/PE B EPCF/PB, Benfica_Master/PB, ADRS/PB e Guerreiros da Ilha/PE

Equipes jogando entre si em suas respectivas chaves, classificando-se os dois primeiros de cada chave para posterior cruzamento olímpico (1ºA x 2ºB – 1ºB x 2ºA), sem vantagem.

Sub 12: U Santo Onofre/CG, AABB/CG, COPM/PB e Benfica_Master/PB
Equipes jogando entre si, classificando-se às finais as duas primeiras. Caso a diferença do primeiro para o segundo seja superior a três pontos, o primeiro colocado será campeão sem a necessidade de final.
Havendo empate em número de pontos entre os dois primeiros, não haverá vantagem de empate. No caso de empate tríplice ou entre todos os participantes, os finalistas serão definidos através dos critérios de desempate.

Sub 13: A Desportivo Maceió/AL, COPM/PB, Gol de Placa/PB, Benfica_Master/PB e União Goiana/PE B ACF/CG, Santo Onofre/CG, Santíssima/AL e ECCB/PB
Equipes jogando entre si em suas respectivas chaves, classificando-se os dois primeiros de cada chave para posterior cruzamento olímpico (1ºA x 2ºB – 1ºB x 2ºA), sem vantagem.

Sub 15: A Força Olímpica/PB, Desportivo Maceió_A/AL, União Goiana/PE, EPCF/PB e Benfica_Master/PB B Santo Onofre/CG, Treze_CAD/CG, Santíssima/AL e Desportivo Maceió-B
Equipes jogando entre si em suas respectivas chaves, classificando-se os dois primeiros de cada chave para posterior cruzamento olímpico (1ºA x 2ºB – 1ºB x 2ºA), sem vantagem.

Sub 17: A Sertecon/PB, Prata/CG, Auto Esporte_CEFAP/PB e ECCB/PB B Santíssima/AL, Desportivo Maceió/AL e Treze_CAD/CG

Equipes da Chave A enfrentam equipes da Chave B, classificando-se os quatro melhores (1º x 4º – 2º x 3º) com vantagem de empate para 1º e 2º.


 

Em um dia histórico para o futsal mundial, a Seleção Brasileira de Futsal encarou a Argentina e levou cerca de 57 mil espectadores ao estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF).

O Brasil mostrou sua força e goleou pelo placar de 4 a 1; gols de Simi, Sinoê, Daniel e Valdin; na volta dos campões mundiais.

O jogo

Apesar do sol escaldante neste dia da independência do Brasil, o brasiliense saiu de casa e compareceu em ótimo número para bater o recorde de público em uma partida de futsal. Querendo empolgar e dar uma resposta positiva, o escrete canarinho tratou de ir para cima e impor respeito.

Logo no começo, Falcão, com a braçadeira de capitão, saiu da marcação, mas mandou para fora. A Argentina não conseguia sair para o jogo. Aos 19 minutos, Rodrigo cobrou falta com violência, o goleiro rebateu e no rebote Simi mandou para as redes, abrindo o placar e levando a torcida a loucura no Mané Garrincha.

Em desvantagem, a equipe da Argentina saiu para o jogo. Com mais espaços para o contra-ataque, o Brasil chegou ao segundo gol aos 8 minutos, depois que Cabreúva lançou Sinôe que com categoria tocou na saída do goleiro e correu para o abraço.

No final do primeiro tempo, Luiz González recebeu boa bola em jogada ensaiada e mandou para as redes, diminuindo para os “Hermanos”.

Na segunda etapa, o Brasil continuou mais agudo. Em 2 minutos, a Seleção Brasileira já havia criado quatro oportunidades. Aos 7 minutos, Daniel dominou bem, saiu em velocidade e soltou a bomba no canto esquerdo, sem chances para o goleiro. Brasil 3 a 1.

Querendo reverter a situação, a Argentina foi para cima. Taffarel mandou no canto, obrigando Guitta a fazer linda defesa. Dois minutos mais tarde, Guitta salvou mais uma vez.

Com o passar do tempo, a Seleção Brasileira conseguiu segura o ímpeto adversário e passou a cadenciar as ações dentro de quadra. Indo para o tudo ou nada, a Argentina colocou o goleiro-linha em jogo.

No finalzinho da partida, o sistema defensivo brasileiro tomou a bola e Valdin mandou para o gol vazio, marcou o quarto e deu números finais à partida, completando a festa da torcida no Mané Garrincha.

Na manhã deste domingo, (24/08), no ginásio do Padre Hildon, aconteceu um duelo de tricolores entre Gol de Placa e AAPB ‘B’, válido pela categoria Sub 09.

O Gol de Placa começou alucinante fazendo logo no início seus primeiros dois gols, com o golpe inicial a AAPB “B” sentiu, mas foi em busca de reverter a situação com os ataques de Luquinhas, mas logo em seguida o Gol de Placa ampliou para 3 a 0. A equipe da AAPB queria a todo custo diminuir o placar ainda na primeira etapa e assim conseguiu ao final do segundo quarto.

Começando a segunda etapa os tricolores do Gol de Placa sofreram o segundo gol e começou a levar sufoco nas trocas dos 7 e meio, até que no finalzinho de jogo, Luquinhas empatou dando números finais a partida. Placar Final – Gol de Placa 3 x 3 AAPB”B”.

Já no Sub 07, mais uma vitória do COPM sobre o Gol de Placa pelo placar de 15 a 0, o destaque da partida foi o ala Arthur, filho do Professor Leucio Laerte com 8 gols assinalados.

Redação Futsal de Prima

 

 

A equipe do 3C que representa a cidade de Patos na disputa do paraibano 2014, jogou neste último sábado e aplicou a maior goleada de toda a competição. A equipe do 3C venceu o CBE da cidade de Pombal pelo placar de 12 x 3.
Com a vitória a equipe entrou no G3 da competição e agora só depende de si para garantir vaga na segunda fase do certame estadual. A partida foi realizada na cidade de Passagem, onde o 3C manda os seus jogos, já que a equipe recebe os apoios da Prefeitura Municipal de Patos e de Passagem.
Os destaques da partida ficaram por conta de Élber, que fez 5 gols e Leonardo que balançou a rede 3 vezes. A equipe que vem representando muito bem a cidade de Patos, ainda conta com o apoio da Gastrovitta do Dr Érico Djan, João Grilo Imobiliária, Sertão Cell, Sertecon Contabilidade, Ótica Bela Visão, Extra Fruta (Frutas & Ervas), Alexandre Catingueira, Dr Delmiro, Dr Aexandre Nunes, Dr Alexsandro Lacerda, Dr Fred Igor e o apoio maciço da TV SOL que promete através da TV levar o futsal patoense a todos os cantos de nossa cidade e vem ai com a Transmissão dos jogos Ao vivo.
O Próximo compromisso acontece nesse fim de semana contra o atual campeão paraibano, a equipe do ADBC Brejo do Cruz, e caso vença, a equipe pode terminar a rodada na liderança da chave C do estadual 2014.

No dia 03 de agosto de 2013 surgiu para abrilhantar as quadras do nosso futsal paraibano o Futsal Clube do Porto.

Desde o princípio o intuito de este existir é, além de formar atletas de categorias de base, com a escolinha específica para o desenvolvimento das habilidades do futsal, tem como objetivo a formação do cidadão, desenvolvendo o caráter dos nossos atletas.

O presidente e fundador Nivaldo Ferreira Dantas Filho, ex-atleta da seleção paraibana dos 13 aos 30 anos de idade e fundador de muitas outras escolinhas existentes no futsal pessoense, iniciou sua carreira profissional como educador em 1986 na Associação Atlética Aliança, depois passou pela ASSUFEP onde formou vários atletas de alto nível, como Deo, atual jogador da Rússia, Thiago Lucena, goleiro destaque na República Tcheca, Djaelson Filho atual atleta do Jaraguá, uma das principais equipes de futsal do Brasil e Jailson Lima atleta que disputa o campeonato da primeira divisão do futebol português, jogando atualmente no Passos de Ferreira, além de outros atletas que também representam muito bem o nosso estado em quadras nacionais e estrangeiras.

Redação Futsal de Prima


Na noite desta sexta (01/08), a Servicar/Cruz do Espírito Santo enfrentou a equipe do ECCB, no ginásio da CEFET, em João Pessoa. Em partida válida pela sétima rodada do grupo A do Campeonato Paraibano 2014.

O placar terminou em 2 a 1 para o ECCB. Os gols do ECCB foram marcados por André Formiga (19min/1ºT), e Marck  (13min/2ºT), enquanto Emanuel Lucas aos (15min/2ºT) descontou para a equipe da Servicar/Cruz do Espírito Santo.

Mesmo com a derrota, a equipe da Servicar/Cruz do Espírito Santo permanece na liderança, com 16 pontos ganhos. Com a vitória, a equipe do ECCB chegou aos mesmos 16 pontos da Servicar e assumiu a vice-liderança do grupo.

Ficha Técnica
ECCB: Dimitri, Pedro Henrique, André Formiga, Bruno, Panda, Marck, Igão, Arthur, Jean Cabedelo, Erivan, Caio 87, Piu, Johannes e André Chacon. Técnico: Bebeto. Atendente: Luiz Arthur (Chacal).

Servicar/Cruz do Espírito Santo: Thiago dos Santos, Thiago Bruno, Antunes, Aru, Seninha, Alberto, Emanuel, Joelson e Talys. Técnico: Luiz Carlos. Atendente: Lúcio Carlos.

Arbitragem: Márcio Nascimento (CBFS), Márcio Santos (FPFS) e Adriano Pessoa (CBFS).

Cartões amarelos: Alberto e Emanuel (Servicar/Cruz do Espírito Santo).

E no grupo D, a equipe do BCEC derrotou a ADESBE pelo placar de 1 a 0 e garantiu vaga na segunda fase da competição. O gol do BCEC foi marcado por Marcinho.

O Blumenau (SC) segue surpreendendo e fazendo vítimas na Liga Futsal. Na noite desta quarta-feira (30/7), a equipe catarinense visitou o São Bernardo (SP) e venceu o duelo com 3 a 0 no placar.


A derrota dos paulistas só aumenta o pesadelo vivido na atual competição nacional pelo time treinado por João Batista Neto. Em quatro jogos, o São Bernardo soma apenas um ponto e aparece em penúltimo lugar – melhor apenas que o Green Team (DF). Já o Blumenau está em primeiro, com 14 pontos em seis jogos. Corinthians (SP) e Jaraguá (SC) estão logo atrás, com um ponto a menos, mas com cinco partidas disputadas.

O jogo

Sem se preocupar por estar atuando longe do torcedor, o Blumenau conseguiu abrir o placar logo aos 7 minutos, com Daniel. O gol acabou selando a vitória parcial dos visitantes, já que o primeiro tempo não contou mais com rede balançando.

Na etapa final os catarinenses conseguiram ampliar a vantagem. Aos 6 minutos, Carlão aumentou para o Blumenau. Para desespero do São Bernardo, Maico fez o terceiro, aos 11 minutos, e fechou o triunfo dos visitantes em São Paulo.

Quando o time da Servicar/Cruz do Espírito Santo saiu para o intervalo, perdia por 3 a 2 e não conseguia encaixar o jogo. Aceitando o jogo adversário, parecia não ter forças para buscar o resultado, mas a conversa no vestiário deve ter sido boa.

Afinal, fez quatro gols e venceu de virada a boa equipe dos Lírios Audazes, e assumiu a liderança da competição, (chave A) com 16 pontos, três a mais que o COPM e o ECCB.

— A nossa equipe foi muito passiva no primeiro tempo. Mas tivemos uma mudança de postura e atitude, contamos com a sorte e a competência em fazer dois gols logo no começo do segundo tempo e conseguimos um grande resultado — comemorou o pivô Emanuel Lucas, que marcou 4 vezes e ajudou a Servicar a assumir a liderança na chave.

Pelo lado dos Lírios, o comandante Nilton reclamou das falhas do seu sistema defensivo. Apesar da ótima atuação do goleiro Mateus Leite, a equipe não segurou a forte equipe da Servicar.

Na chave B, a equipe da AABB/Bananeiras segue 100% na competição, 4 jogos e 4 vitórias, seguido pelo Treze com 9 pontos e ACF com 4.